quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Orgulho e Soberba, ingredientes que antecedem a queda

AONDE ESTÁ A HONRA DOS ORGULHOSOS A SABEDORIA MORA COM GENTE HUMILDE

Orgulho, palavra por todos combatida,
sinónimo de soberba e arrogância
talvez temida, ou simplesmente utilizada.
Utilizada como forma de tentar declarar
que longe está de nosso ser, de nosso arraial.

Utilizá-la para que possamos acreditar
que longe está, mesmo sentindo o seu calor.
Utilizá-la para que possamos acusar livremente,
sem ter receio de sermos acusados.

O perigo de cairmos, sempre será na área
que julgamos estar em nós fortalecida,
E o orgulho....de sermos uma fortaleza
Cremos que será instransponível para sempre.

E...muitos esquecem-se de colocar ali uma sentinela,
para que possa cuidar para que não caia,
aquela torre que em pé está!

A torre do orgulho em nosso castelo
A torre da soberba em nossas fortalezas
Podem ser a porta de entrada do inimigo
Que ronda, buscando o momento certo
para atingir o seu objetivo.

E ele espera contar com a sua milenar aliada
que a tantos conseguiu derrubar, inclusive...ele

Bem disse o sábio Salomão,
Ela precede a destruição, que por sua vez,
precede a queda.
E é impossível que alguém com este
terrivel sentimento, possa alcançar
a irresistência do pai.

Porem sua mais lembrada arqui-inimiga
A ele Deus dá a sua Graça
os humildes alcançaram misericórdia,
e a aquele que a sim mesmo se exaltar,
será humilhado.
porém aquele que a si mesmo se humilhar
exaltado será!

ETC





sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

WATCHMAN NEE, O APÓSTOLO PAULO CHINÊS

Lendo a biografia de Watchman Nee, confesso que começei a diminuir ainda mais, lendo a grande obra que deus realizou através do irmão Nee. Não entendo como em nossos dias a soberba invade nossas igrejas e grandes líderes se acham os detentores da unção de Deus. Com base nesta posição privilegiada, agem como meninos fazendo meninices a nossa frente. Irmão Nee nos deixou exemplos de como servir a Deus em meio a perseguições e sofrimento.

Sinceramente...quem sabe não é uma grande "Perseguição" que está faltando no Brasil para que possamos aprender a servir a Deus. Quem sabe assim os evangélicos paramde paparicar autoridades em troca de favores, e possam deter-se na conversão real e verdadeira com Deus, para valorizarmos as almas que precisam de salvação, e não os templos, que precisam se agigantar, para alcançar o ego de seus líderes.


Watchman Nee tornou-se um cristão na China continental em 1920 com a idade de dezessete anos e começou a escrever no mesmo ano.
Throughout the nearly thirty years of his ministry, Watchman Nee was clearly manifested as a unique gift from the Lord to His Body for His move in this age.
Ao longo dos quase trinta anos de seu ministério, Watchman Nee foi claramente manifestada como um dom único do Senhor para o Seu Corpo para o Seu mover nesta era.
In 1952 he was imprisoned for his faith; he remained in prison until his death in 1972.
Em 1952 ele foi preso por sua fé, ele permaneceu na prisão até sua morte em 1972.
His words remain an abundant source of spiritual revelation and supply to Christians throughout the world.
Suas palavras continuam a ser uma fonte abundante de revelação espiritual e suprem cristãos em todo o mundo.


SOFRIMENTO

Watchman Nee teve uma visão inegável e recebeu uma comissão definida do Senhor sobre a igreja, e ele sofreu muito devido à sua fidelidade para com eles. Porque a visão era tão clara ea comissão tão real, não importava a ele que foi rejeitada, se opuseram, e condenado. Ele antecipou estas respostas e estava determinado a pagar qualquer preço para a comissão que ele havia recebido do Senhor. Sua fidelidade a esta comissão, em última instância lhe custou a vida. Suas revelações profundas, combinadas com seus sofrimentos resultaram em um rico ministério de vida de acordo com a comissão do Senhor para ele: o ministério neotestamentário único de Cristo e da Igreja. Watchman Nee suportou muitos sofrimentos por causa do ministério do Novo Testamento. Devido ao seu absolutismo em seguir ao Senhor e sua fidelidade em cumprir o comissionamento de Deus, ele sofreu maus-tratos freqüentes, bem como dificuldades ao longo da vida. Porque ele lutou sem descanso a batalha pelo mover do Senhor, ele estava sob constante ataque do inimigo de Deus. Ao mesmo tempo, ele estava debaixo da mão soberana de Deus. Ele reconhecia as intervenções soberanas de Deus em seu meio ambiente não apenas como um divinamente "espinho na carne", mas mais importante, como um meio pelo qual Deus era capaz de lidar com ele. Devido aos ataques, tanto do inimigo de Deus e fiel relações ambientais, Watchman Nee viveu uma vida de sofrimento. A maioria de seus sofrimentos vieram de cinco fontes: pobreza, falta de saúde, várias denominações, irmãos e irmãs em dissensão nas igrejas locais e aprisionamento.

POBREZA

Nos primeiros anos do ministério de Watchman Nee, a situação econômica da China era desesperadora. Por causa do que ele viu na Palavra, ele estava exercitado para viver pura e simplesmente pela fé em Deus, não só para a sua vida, mas também para cada aspecto da obra do Senhor. Portanto, ele sistematicamente recusou empregos oferecidos por qualquer pessoa ou organização. Nos primeiros dias do seu ministério, em Xangai, houve momentos em que tudo o que tinha que comer a cada dia foi um pouco de pão.

DOENÇAS
Watchman Nee também era freqüentemente afligido com doença grave. Para os primeiros onze anos de seu ministério, a partir de 1922, ele sofreu sozinho, sem mulher para ajudá-lo. Durante este período, ele contraiu tuberculose e sofreu imensamente por muitos anos. Em 1934, na idade de trinta anos, entretanto, Watchman Nee casou-se com uma verdadeira "ajudadora", "Charity Chang, apesar de o Senhor estava a dar-lhes nenhuma criança. Nos anos posteriores, ele também foi atingido por uma doença estomacal crônica, bem como angina, uma séria doença cardíaca. Ele nunca foi curado da doença cardíaca e poderia ter morrido por causa dela a qualquer momento. Na verdade, muitas vezes ele ministrou, não pela força física, mas pela vida de ressurreição.

WITHMAN NEE E A PROSPERIDADE DO CRENTE

De acordo com uma tal de teologia da prosperidade, onde pregam que o sofrimento não provém de Deus, estaria irmão Nee fora da direção de Deus? Quem sabe do seu deus sim, mas do meu Deus não, porque...

"De fato, grande
fonte de lucro é a piedade com o contentamento. Porque nada temos trazido para o mundo, nem coisa alguma podemos levar dele. Ora, os que querem ficar ricos caem em tentação, e cilada, e em muitas concupiscências insensatas e perniciosas, as quais afogam os homens na ruína e perdição. Porque o amor do dinheiro é raiz de todos os males; e alguns, nessa cobiça, se desviaram da fé e a si mesmos se atormentaram com muitas dores. Tu, porém, ó homem de Deus, foge destas coisas; antes, segue a justiça, a piedade, a fé, o amor, a constância, a mansidão." (1 Tm 6.6-11)

Graça e Paz a todos!



BIBLIOGRAFIA:

LIFE Y MINISTRY, disponível em<http://www.watchmannee.org/>, acesso em 11 Dezeembro 2009.

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

UMADT EM CRUZ ALTA


No dia 15 de Novembro estivemos juntos com a UMADT (União da Mocidade da Assembléia de Deus de Tupanciretã) liderada pelo Pb. Márcio Lima participando do 23º Congresso de Jovens da UMADECA em Cruz Alta na coordenação do Irmão Diogo Rafael e pastoreada pelo Pr. Elvino Estevam.
Na ocasião o Pr. Dárcio Bayerlein de Indaial/SC ministrou a palavra de Deus pela manhã e a cantora Eula Sarote, de Curitiba/PR louvou ao Senhor com belos hinos de adoração a Deus, Foram bons momentos que passamos juntamente os jovens naquela igreja.

sábado, 12 de setembro de 2009

Cantor Claudio Matos em Tupanciretã

Cantor Claudio Matos estará no XVI CONGRESSO DO CÍRCULO DE ORAÇÃO DO CAMPO DE TUPANCIRETÃ, que realizar-se-á nos dias 10 e 11 de outubro de 2009.

Eventos e Congressos




Cantos Claudio Matos estará cantando no XVI CONGRESSO DO CÍRCULO DE ORAÇÃO DE TUPANCIRETÃ, que realizar-se-á nos dias 10 e 11 de outubro de 2009. No nosso templo sede, cito a Rua Paulino Aquino nº 499, nesta cidade, tendo como pregadora a Irmã: DIRCE NOGUEIRA, ambos da cidade de Panambi –RS.

PROGRAMAÇÃO:
Sábado:
19h30 Abertura e culto de boas vindas.
Domingo:
9h30 Estudo bíblico e participação de grupos visitantes
12h Almoço (buffet com preço acessível).
14h Culto de confraternização, louvor, e testemunhos das participantes.
19h30 Culto de Ação de Graça e encerramento.

Contamos com sua presença!!!


Ev. Eliel Toledo

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

Uma história de Compaixão e Caridade:




"Ricardinho não agüentou o cheiro bom do pão e falou: - Pai, tô com fome!!! O pai, Agenor , sem ter um tostão no bolso, caminhando desde muito cedo em busca de um trabalho, olha com os olhos marejados para o filho e pede mais um pouco de paciência... - Mas pai, desde ontem não comemos nada, eu tô com muita fome, pai!!! Envergonhado, triste e humilhado em seu coração de pai, Agenor pede para o filho aguardar na calçada enquanto entra na padaria a sua frente... Ao entrar dirige-se a um homem no balcão: - Meu senhor, estou com meu filho de apenas 6 anos na porta, com muita fome, não tenho nenhum tostão, pois sai cedo para buscar um emprego e nada encontrei, eu lhe peço que em nome de Jesus me forneça um pão para que eu possa matar a fome desse menino, em troca posso varrer o chão de seu estabelecimento, lavar os pratos e copos, ou outro serviço que o senhor precisar!!! Amaro , o dono da padaria estranha aquele homem de semblante calmo e sofrido, pedir comida em troca de trabalho e pede para que ele chame o filho... Agenor pega o filho pela mão e apresenta-o a Amaro, que imediatamente pede que os dois sentem-se junto ao balcão, onde manda servir dois pratos de comida do famoso PF (Prato Feito) - arroz, feijão, bife e ovo... Para Ricardinho era um sonho, comer após tantas horas na rua... Para Agenor , uma dor a mais, já que comer aquela comida maravilhosa fazia-o lembrar-se da esposa e mais dois filhos que ficaram em casa apenas com um punhado de fubá... Grossas lágrimas desciam dos seus olhos já na primeira garfada... A satisfação de ver seu filho devorando aquele prato simples como se fosse um manjar dos deuses, e lembrança de sua pequena família em casa, foi demais para seu coração tão cansado de mais de 2 anos de desemprego, humilhações e necessidades... Amaro se aproxima de Agenor e percebendo a sua emoção, brinca para relaxar: - Ô Maria!!! Sua comida deve estar muito ruim... Olha o meu amigo está até chorando de tristeza desse bife, será que é sola de sapato?!?! Imediatamente, Agenor sorri e diz que nunca comeu comida tão apetitosa, e que agradecia a Deus por ter esse prazer... Amaro pede então que ele sossegue seu coração, que almoçasse em paz e depois conversariam sobre trabalho... Mais confiante, Agenor enxuga as lágrimas e começa a almoçar, já que sua fome já estava nas costas... Após o almoço, Amaro convida Agenor para uma conversa nos fundos da padaria, onde havia um pequeno escritório... Agenor conta então que há mais de 2 anos havia perdido o emprego e desde então, sem uma especialidade profissional, sem estudos, ele estava vivendo de pequenos 'biscates aqui e acolá', mas que há 2 meses não recebia nada... Amaro resolve então contratar Agenor para serviços gerais na padaria, e penalizado, faz para o homem uma cesta básica com alimentos para pelo menos 15 dias... Agenor com lágrimas nos olhos agradece a confiança daquele homem e marca para o dia seguinte seu início no trabalho... Ao chegar em casa com toda aquela 'fartura', Agenor é um novo homem sentia esperanças, sentia que sua vida iria tomar novo impulso... Deus estava lhe abrindo mais do que uma porta, era toda uma esperança de dias melhores... No dia seguinte, às 5 da manhã, Agenor estava na porta da padaria ansioso para iniciar seu novo trabalho... Amaro chega logo em seguida e sorri para aquele homem que nem ele sabia porque estava ajudando... Tinham a mesma idade, 32 anos, e histórias diferentes, mas algo dentro dele chamava-o para ajudar aquela pessoa... E, ele não se enganou - durante um ano, Agenor foi o mais dedicado trabalhador daquele estabelecimento, sempre honesto e extremamente zeloso com seus deveres... Um dia, Amaro chama Agenor para uma conversa e fala da escola que abriu vagas para a alfabetização de adultos um quarteirão acima da padaria, e que ele fazia questão que Agenor fosse estudar... Agenor nunca esqueceu seu primeiro dia de aula: a mão trêmula nas primeiras letras e a emoção da primeira carta... Doze anos se passam desde aquele primeiro dia de aula... Vamos encontrar o Dr. Agenor Baptista de Medeiros , advogado, abrindo seu escritório para seu cliente, e depois outro, e depois mais outro... Ao meio dia ele desce para um café na padaria do amigo Amaro, que fica impressionado em ver o 'antigo funcionário' tão elegante em seu primeiro terno... Mais dez anos se passam, e agora o Dr. Agenor Baptista, já com uma clientela que mistura os mais necessitados que não podem pagar, e os mais abastados que o pagam muito bem, resolve criar uma Instituição que oferece aos desvalidos da sorte, que andam pelas ruas, pessoas desempregadas e carentes de todos os tipos, um prato de comida diariamente na hora do almoço... Mais de 200 refeições são servidas diariamente naquele lugar que é administrado pelo seu filho , o agora nutricionista Ricardo Baptista... Tudo mudou, tudo passou, mas a amizade daqueles dois homens, Amaro e Agenor impressionava a todos que conheciam um pouco da história de cada um... Contam que aos 82 anos os dois faleceram no mesmo dia, quase que a mesma hora, morrendo placidamente com um sorriso de dever cumprido... Ricardinho , o filho mandou gravar na frente da 'Casa do Caminho', que seu pai fundou com tanto carinho: 'Um dia eu tive fome, e você me alimentou. Um dia eu estava sem esperanças e você me deu um caminho. Um dia acordei sozinho, e você me deu Deus, e isso não tem preço. Que Deus habite em seu coração e alimente sua alma. E, que te sobre o pão da misericórdia para estender a quem precisar!!!' (História verídica) "

Fonte: história recebida via e-mail, desconheço o autor.

sábado, 4 de julho de 2009

Bacharel em Teologia


Caros amigos, hoje é um dia especial para nossa familia, pois estaremos indo a cidade de Passo Fundo-RS participarmos da colação de grau em Teologia, do meu querido pai, que ao longo de aproximados 30 meses esteve estudando neste mui respeitado seminário, o qual sempre que tenho o prazer de ouví-lo, comenta maravilhado.

Creio que amanhã poderemos compartilhas com vocês como foi, por ora, um grande abraço!!!

"PARABÉNS, PASTOR ALEXANDRE BELTRAME DE CHAVES, ISTOÉ APENAS UM RECONHECIMENTO AO SEMPRE TEÓLOGO PASTOR QUE TEM SIDO"


Eliel

"O meu pensamento está no futuro, pois é lá onde passarei a eternidade"

sexta-feira, 20 de março de 2009

Meu Grande Herói!

Ferido lá no chão estava eu
Esperando alguém vir me socorrer

Em por mim passou não me ajudou

Mesmo vendo eu a ponto de morrer

Me disseram que enquanto eu estava lá
um viajante de bondoso coração

me vendo caido sobre aquele chão
se encheu na profunda compaixão

E olhou, e chorou com amor me falou:
Vai ficar tudo bem, olha só o pior já passou,
me pos em teus braços curou minhas feridas
das garras da morte ele me arrancou
sua voz tão suave eu posso ouvir
dizendo que ainda não era o fim,
salvou minha vida e se foi
o Meu Grande Héroi.

Meu Grande Héroi não tinha cavalo branco,

Armadura reluzente, nem espada nem escudo,

Meu Grande Héroi era humilde eu bem sei,

mais no céu ele era rei, por isso eu sirvo em tudo,

meu Grande Héroi mudou mesmo a minha sorte

me arrancou das mãos da morte

e nem vi o rosto dele,

meu Grande Héroi
meu amigo mais fiel

me salvou e foi pro céu

Jesus Cristo é o nome dele

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

A-BD ENTREVISTA CRISTÃ EX-EMO



(D)EMO?????
Sinceramente eu não tinha me inteirado desta nova mania satânica que está influenciando a juventude.
Estava eu e minha querida noiva, passeando pelas ruas de Santa Fé-ARG, quando chamou-me a atenção vários grupos de jovens estranhos, os cabelos com cortes e penteados extravagantes, roupas escuras e em seus rostos, tranpareciam semblantes tristes e deprimidos. Perguntei para a Heline sobre eles e ela bem inteirada do assunto informou-me que tratar-se de uma onda que está invadindo a Argentina, realmente algo satânico.
É uma tristeza ver vidas acorrentadas pelo malígno desta forma.
Chegando ao Brasil fiz umas pesquisas sobre o assunto para levar como alerta aos jovens, em uma de nossas reuniões semanais.
Gostei muito desta matéria do blog do irmão Tharsis Kedsonni, o qual bondosamente me autorizou a reescrevê-lo.

Depois da postagem ,"EMOrragia": Entenda a mania que quer dominar os jovens cristãos, o A-BD traz agora uma entrevista com uma adolescente cristã que estava dominada pela mania emo que tenta oprimir alguns jovens da Casa de Deus, mas que hoje superou essa intempérie. A entrevistada, A.F., 17 anos e membro da Assembleia de Deus, teve sua identidade preservada, mas aprovou e contribuiu conosco para alertar aos demais jovens cristãos o quão deprimente é ser levado por tal moda que só distancia o crente da comunhão com Deus.A-BD: O que é e como é ser emo?Ex-emo: Emo é a abreviação de emoção. São pessoas que têm uma certa sensibilidade e um exagero de emoções, por isso as músicas românticas e melosas. Uma das minhas amigas, por exemplo, vivia chorando, reclamando, era muito sensível... Emo é o tipo de pessoa que reclama de tudo e não faz nada... No meu caso, eu queria muito ir a um show da banda NX Zero. Passava por muitas pressões, as pessoas perguntavam se eu era emo (um emo nunca diz que é emo). Na igreja, (quando eu ia, porque estava fraca na fé), as pessoas me olhavam torto, aí eu pensava em deixar a igreja logo, sabe...A-BD: Quando você começou a se infiltrar nessa moda e dizer "isso é a minha cara"? O que te atraiu para essa mania?Ex-emo: Foi quando vi a modinha na Internet e passei a andar com garotas emo. Comecei a me enturmar com "metaleiros, emos, otakus". Passei a gostar de roupas pretas, luvas com rosa pink, gostava de músicas de Avril Lavigne, NX Zero, Maximo the Hormone... aquilo tudo era a minha cara.A-BD: Ou seja, coisas que afastam o crente da intimidade com Cristo. Você disse que se deixou influenciar por outros jovens emo não cristãos. Você já era cristã nessa época?Ex-emo: Sim. Após essas mudanças eu me afastei um pouco da presença de Deus, mas não da igreja. Eu ia os cultos, mas não queria cantar nem ter oportunidades... o pastor notou a diferença e veio falar comigo, mas eu nem dei muita importância. Aliás, esses amigos além de emo eram mórmons, eu até cheguei a participar de algumas reuniões deles...
A-BD: Na época quando o blog lançou a postagem "EMOrragia: Entenda a mania que quer dominar os jovens cristãos", você, a princípio, nem deu importância. Você acha que os jovens emo da igreja estão assim, sabem que a prática é errada mas não aceitam a exortação de ninguém quanto a isso?Ex-emo: Sim, na época eu nem li o texto todo, nem dei valor e deixei pra lá. Assim as outras pessoas também fazem, não dão importância ao risco. Meu irmão me aconselhava a não andar com essas pessoas porque "as más conversações corrompem os bons costumes" (1 Co 15.33). Acho que muitos jovens estão assim, sem dar importância ao caso. Começam com "o que é que tem usar franja e maquiagens assim?" Começa assim, depois já viu...A-BD: Compreendo. E como você começou a notar que isso não era edificante? A partir de que momento você passou a deixar de ser emo?Ex-emo: Quando meu irmão foi embora, eu passei a ficar sozinha. Foi nessa época que a moda emo estourou pra mim. Eu me afastei da igreja, ficava sempre em casa. Ficava pensando como eu fui um dia, eu nem pegava mais na Bíblia. Foi uma questão de consciência por parte do Espírito Santo. Minha mãe também notou esse meu afastamento e meus costumes. Um dia eu fui a um culto na Assembleia de Deus, fui do jeito que eu estava (toda de preto, allstar, maquiagem, unhas pretas). Quando ouvi a Palavra e os louvores, senti saudades de Deus, de estar na Sua casa. Foi aí que, comovida pelo Santo Espírito, eu fui falar com o pastor para me reconciliar com a Igreja. Ele me aconselhou e depois eu retornei à casa de Deus e hoje estou aqui, de volta ao primeiro amor!A-BD: Glória a Deus! E como você vê essa moda hoje e, para você, quais as futuras consequências que a mania pode causar nos emo que são cristãos?Ex-emo: O Sangue do Cordeiro me lavou, sei que não volto mais a isso, eu noto minhas mudanças e me edifico com esses resultados. E quanto a isso, não tenho dúvidas que essa moda emo é do inimigo de nossas almas. Entrou na vida de muitos adolescentes de nossa igreja e, se não houver a convicção da fé e o costume de orar e ler a Bíblia, a consequência, infelizmente, é o esfriamento da fé. Eu senti saudades de Deus, sabia que não estava só, por que Ele é fiel, mas eu não tinha mais a intimidade com Ele. Dessa mesma forma, os jovens que estão nessa moda só têm a perder na sua edificação de vida cristã!A-BD: É isso mesmo. Bom, a entrevista foi rápida, mas poderia render muito aqui. Mas, para encerrar, qual a mensagem que você deixa para os jovens que estão com essa mania pecaminosa ou estão pensando em participar dessa moda?Ex-emo: Jovens, nesse tempo em que vivemos, os últimos dias, de tudo o devorador tem utilizado para tentar desviar a tua atenção, a nossa atenção. O que quero deixar é uma palavra de consciência: fiquem firmes no Senhor, vamos nEle confiar todo nosso viver, nossa caminhada. Deixo o Salmo 27.11: "Ensina-me SENHOR, o teu caminho, e guia-me pela vereda direita, por causa dos meus inimigos".A-BD: Nós agradecemos de coração pela sua disposição e honrosa contribuição, não só ao blog, mas aos leitores, principalmente os jovens. Que o Senhor te abençoe e te recompense com muitas dádivas nessa caminhada junto aos Seus pés. Ex-emo: Eu que também agradeço por essa oportunidade de falar sobre as maravilhas que o Senhor pode fazer, que esse testemunho possa ser de exemplo a essa geração de instrumentos na mão de Deus, um abraço pra o A-BD e fiquem no amor de Deus.A-BD®

Agradeço ao irmão Tharsis Kedsonni, o qual liberou esta matéria, postada em seu excelente blog "ASSEM-BERÉIA DE DEUS", um blog que vale a pena acompanhar: http://kedsonni.blogspot.com/

Grande abraço do irmão Eliel

Segurança na Igreja


Um site de notícias noticiou a morte de uma menina de 10 anos que morreu eletrocutada durante ensaio de coral na igreja evangélica Assembléia de Deus em Camarajibe, estado de Pernambuco.


Um fato lamentável, porém nos alerta para a segurança dos templos evangélicos. Não podemos ficar omissos e fingir que não é conosco. O desabamento do teto da Igreja Renascer também poderia ser evitado, os responsáveis pelos templos não podem esconderem-se atrás da frase de que tudo é permissão divina; pois mesmo sendo a mais pura verdade, isto não os desobriga de fazerem a sua parte e zelarem pelo patrimônio da Igreja e mais ainda pela integridade fisica e segurança dos membros e frequentadores do templo.


1º Eleger um Encarregado de Patrimônio da Igreja seria uma dica.

2 º Destinar uma fatia das entradas para a conservação dos templos.

3º Revisões periódicas de fiação elétrica também é interessante.


A familia da pequena Damares Pereira da Silva os meus sentimentos.


Leia a notícia na íntegra:




sábado, 24 de janeiro de 2009

Teatro Evangélico e a mensagem propagada

Já é uma boa tradição, aqui na Assembléia de Deus em Lagoa Vermelha-RS, a apresentação de uma peça de Natal, sempre organizada pelo Departamento da Juventude. Este ano de 20o8 porém, devido a outras festividades de fim de ano, o tempo ficou curto para escolhermos e ensaiarmos uma peça. Fui procurar na internet algo para o pouco tempo que tínhamos, porém uma me chamou a atenção, escrita pelo pastor Antonio C. Lachaitis, denominado "Um natal através do tempo". Colocamos em ação, e todos que participaram apenharam-se ao máximo para que saísse uma boa presentação, para que esta mensagem fosse impactante (palavra do momento) e o objetivo da mensagem fosse entendida pela igreja e amigos visitantes.

Graças a Deus, tudo deu certo, vocês podem ver as fotos no Blog da Umadelv:
http://umadelv.blogspot.com/search/label/Pe%C3%A7a%20Natalina%202008