quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Orgulho e Soberba, ingredientes que antecedem a queda

AONDE ESTÁ A HONRA DOS ORGULHOSOS A SABEDORIA MORA COM GENTE HUMILDE

Orgulho, palavra por todos combatida,
sinónimo de soberba e arrogância
talvez temida, ou simplesmente utilizada.
Utilizada como forma de tentar declarar
que longe está de nosso ser, de nosso arraial.

Utilizá-la para que possamos acreditar
que longe está, mesmo sentindo o seu calor.
Utilizá-la para que possamos acusar livremente,
sem ter receio de sermos acusados.

O perigo de cairmos, sempre será na área
que julgamos estar em nós fortalecida,
E o orgulho....de sermos uma fortaleza
Cremos que será instransponível para sempre.

E...muitos esquecem-se de colocar ali uma sentinela,
para que possa cuidar para que não caia,
aquela torre que em pé está!

A torre do orgulho em nosso castelo
A torre da soberba em nossas fortalezas
Podem ser a porta de entrada do inimigo
Que ronda, buscando o momento certo
para atingir o seu objetivo.

E ele espera contar com a sua milenar aliada
que a tantos conseguiu derrubar, inclusive...ele

Bem disse o sábio Salomão,
Ela precede a destruição, que por sua vez,
precede a queda.
E é impossível que alguém com este
terrivel sentimento, possa alcançar
a irresistência do pai.

Porem sua mais lembrada arqui-inimiga
A ele Deus dá a sua Graça
os humildes alcançaram misericórdia,
e a aquele que a sim mesmo se exaltar,
será humilhado.
porém aquele que a si mesmo se humilhar
exaltado será!

ETC





sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

WATCHMAN NEE, O APÓSTOLO PAULO CHINÊS

Lendo a biografia de Watchman Nee, confesso que começei a diminuir ainda mais, lendo a grande obra que deus realizou através do irmão Nee. Não entendo como em nossos dias a soberba invade nossas igrejas e grandes líderes se acham os detentores da unção de Deus. Com base nesta posição privilegiada, agem como meninos fazendo meninices a nossa frente. Irmão Nee nos deixou exemplos de como servir a Deus em meio a perseguições e sofrimento.

Sinceramente...quem sabe não é uma grande "Perseguição" que está faltando no Brasil para que possamos aprender a servir a Deus. Quem sabe assim os evangélicos paramde paparicar autoridades em troca de favores, e possam deter-se na conversão real e verdadeira com Deus, para valorizarmos as almas que precisam de salvação, e não os templos, que precisam se agigantar, para alcançar o ego de seus líderes.


Watchman Nee tornou-se um cristão na China continental em 1920 com a idade de dezessete anos e começou a escrever no mesmo ano.
Throughout the nearly thirty years of his ministry, Watchman Nee was clearly manifested as a unique gift from the Lord to His Body for His move in this age.
Ao longo dos quase trinta anos de seu ministério, Watchman Nee foi claramente manifestada como um dom único do Senhor para o Seu Corpo para o Seu mover nesta era.
In 1952 he was imprisoned for his faith; he remained in prison until his death in 1972.
Em 1952 ele foi preso por sua fé, ele permaneceu na prisão até sua morte em 1972.
His words remain an abundant source of spiritual revelation and supply to Christians throughout the world.
Suas palavras continuam a ser uma fonte abundante de revelação espiritual e suprem cristãos em todo o mundo.


SOFRIMENTO

Watchman Nee teve uma visão inegável e recebeu uma comissão definida do Senhor sobre a igreja, e ele sofreu muito devido à sua fidelidade para com eles. Porque a visão era tão clara ea comissão tão real, não importava a ele que foi rejeitada, se opuseram, e condenado. Ele antecipou estas respostas e estava determinado a pagar qualquer preço para a comissão que ele havia recebido do Senhor. Sua fidelidade a esta comissão, em última instância lhe custou a vida. Suas revelações profundas, combinadas com seus sofrimentos resultaram em um rico ministério de vida de acordo com a comissão do Senhor para ele: o ministério neotestamentário único de Cristo e da Igreja. Watchman Nee suportou muitos sofrimentos por causa do ministério do Novo Testamento. Devido ao seu absolutismo em seguir ao Senhor e sua fidelidade em cumprir o comissionamento de Deus, ele sofreu maus-tratos freqüentes, bem como dificuldades ao longo da vida. Porque ele lutou sem descanso a batalha pelo mover do Senhor, ele estava sob constante ataque do inimigo de Deus. Ao mesmo tempo, ele estava debaixo da mão soberana de Deus. Ele reconhecia as intervenções soberanas de Deus em seu meio ambiente não apenas como um divinamente "espinho na carne", mas mais importante, como um meio pelo qual Deus era capaz de lidar com ele. Devido aos ataques, tanto do inimigo de Deus e fiel relações ambientais, Watchman Nee viveu uma vida de sofrimento. A maioria de seus sofrimentos vieram de cinco fontes: pobreza, falta de saúde, várias denominações, irmãos e irmãs em dissensão nas igrejas locais e aprisionamento.

POBREZA

Nos primeiros anos do ministério de Watchman Nee, a situação econômica da China era desesperadora. Por causa do que ele viu na Palavra, ele estava exercitado para viver pura e simplesmente pela fé em Deus, não só para a sua vida, mas também para cada aspecto da obra do Senhor. Portanto, ele sistematicamente recusou empregos oferecidos por qualquer pessoa ou organização. Nos primeiros dias do seu ministério, em Xangai, houve momentos em que tudo o que tinha que comer a cada dia foi um pouco de pão.

DOENÇAS
Watchman Nee também era freqüentemente afligido com doença grave. Para os primeiros onze anos de seu ministério, a partir de 1922, ele sofreu sozinho, sem mulher para ajudá-lo. Durante este período, ele contraiu tuberculose e sofreu imensamente por muitos anos. Em 1934, na idade de trinta anos, entretanto, Watchman Nee casou-se com uma verdadeira "ajudadora", "Charity Chang, apesar de o Senhor estava a dar-lhes nenhuma criança. Nos anos posteriores, ele também foi atingido por uma doença estomacal crônica, bem como angina, uma séria doença cardíaca. Ele nunca foi curado da doença cardíaca e poderia ter morrido por causa dela a qualquer momento. Na verdade, muitas vezes ele ministrou, não pela força física, mas pela vida de ressurreição.

WITHMAN NEE E A PROSPERIDADE DO CRENTE

De acordo com uma tal de teologia da prosperidade, onde pregam que o sofrimento não provém de Deus, estaria irmão Nee fora da direção de Deus? Quem sabe do seu deus sim, mas do meu Deus não, porque...

"De fato, grande
fonte de lucro é a piedade com o contentamento. Porque nada temos trazido para o mundo, nem coisa alguma podemos levar dele. Ora, os que querem ficar ricos caem em tentação, e cilada, e em muitas concupiscências insensatas e perniciosas, as quais afogam os homens na ruína e perdição. Porque o amor do dinheiro é raiz de todos os males; e alguns, nessa cobiça, se desviaram da fé e a si mesmos se atormentaram com muitas dores. Tu, porém, ó homem de Deus, foge destas coisas; antes, segue a justiça, a piedade, a fé, o amor, a constância, a mansidão." (1 Tm 6.6-11)

Graça e Paz a todos!



BIBLIOGRAFIA:

LIFE Y MINISTRY, disponível em<http://www.watchmannee.org/>, acesso em 11 Dezeembro 2009.